Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Veja o vídeo e Registre-se na 1000EXPERT



calendário

Março 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031


Pesquisar

 



Links

Ministério da Saúde

Medicina Dentária no Moçambique

Blogs do Moçambique






Dentes Do Siso

Terça-feira, 21.07.15

Os dentes do siso ou terceiros molares , são os últimos dentes a entrar em erupção em sua boca e os dentes são menos necessários para uma boa saúde oral. A maioria das pessoas tem quatro dentes do siso que geralmente irrompem através das gengivas no final da adolescência ou vinte anos . Às vezes, os dentes do siso permanecem presas no maxilar sob a gengiva porque não há espaço insuficient para eles entrar em erupção.

Os dentes do siso pode causar doença, o dano apinhamento ou outra aos dentes adjacentes , decadência ( devido à incapacidade de sua escova de dentes para manter a área limpa ) , e osso destruindo cistos. A dor eo inchaço são os sintomas mais comuns de dentes do siso problema. Se você tem sintomas óbvios ou não , é importante para diagnosticar problemas existentes ou potenciais causados ​​por seus dentes do siso . A remoção é muitas vezes a decisão mais sábia para sua saúde e bem-estar.

sis1.jpg


Impactação Horizontal é uma condição grave que exige sempre a extração.

sis2.jpg
Impactação vertical. Com o tempo, os dentes verticalmente impactadas pode entrar em erupção . No entanto , em muitos casos, o processo é doloroso e pode danificar e aglomeram dentes adjacentes

sis3.jpg
Mesial Impactação é a condição mais comum que requer a extração.

sis4.jpgImpacção distal . O termo " distal " significa, simplesmente, que o dente de siso é inclinada para trás , em direcção à traseira da boca .

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que é exodontia

Domingo, 06.11.11

Exodontia é a remoção cirúrgica de um elemento dentário. Conhecida popularmente como "extração", a exodontia foi a primeira especialidade exercida pelos primeiros dentistas.


- Anestesia local profunda é necessária para o dente ser removido sem dor;

- Os profissionais possuem  conhecimento profundo sobre anatomia e inervação de todos os dentes e dos tecidos moles circunvizinhos;

- Devem conhecer também o tipo de anestesia adequada para cada caso, afim de anestesiar totalmente esses nervos, proporcionando uma exodontotia indolor e totalmente segura!

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tratamento de Canal e Extração Dentária

Sexta-feira, 04.11.11

 

 


 

Quando a cárie dentária aprofunda-se o suficiente para lesar a polpa de forma permanente, a única maneira para se eliminar a dor é a remoção da pulpa através do canal (endodontia) ou a extração do dente. Os dentes posteriores submetidos a um tratamento de canal são mais bem protegidos por uma coroa, que substitui toda a superfície mastigatória. O método de restauração para os dentes da frente submetidos a um tratamento de canal depende da quantidade restante do dente. Raramente, uma ou duas semanas após um tratamento de canal, o indivíduo pode apresentar febre, cefaléia e inflamação do maxilar, do assoalho da boca ou da garganta. Se o indivíduo apresentar essas complicações, ele deverá ser examinado por um dentista ou um médico. Se o dente foi extraído, ele deverá ser substituído o mais breve possível. Caso contrário, os dentes vizinhos podem mudar de posição, alterando a mordida.

 

A substituição pode ser uma ponte (uma prótese fixa parcial, na qual os dentes laterais ao dente ausente são recobertos por coroas) ou uma prótese removível. Implantes também podem ser utilizados para substituir os dentes perdidos. A coroa é uma restauração encaixada sobre um dente. Geralmente, para que uma coroa seja bem moldada, são necessárias duas visitas ao dentista, embora, em alguns casos, sejam necessárias várias sessões. Na primeira visita, o dentista prepara o dente, afilando-o ligeiramente, tira um molde do dente preparado e coloca uma coroa temporária. Em seguida, uma coroa permanente é encomendada ( a partir do molde) a um laboratório de próteses dentárias. Na visita seguinte, a coroa temporária é removida e a coroa permanente é cimentada sobre o dente preparado. Em geral, as coroas são confeccionadas com uma liga de ouro ou outro metal. Pode-se utilizar a porcelana para ocultar a cor do metal. As coroas também podem ser totalmente de porcelana, mas, por tratar-se de um material mais duro e mais abrasivo que o esmalte dental, ela pode causar desgaste do dente oposto. As coroas de porcelana ou de um material similar também apresentam uma tendência levemente maior de romper do que as de metal.

 

fonte msdonline

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Registre-se na 1000expert




Flag Counter