Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Veja o vídeo e Registre-se na 1000EXPERT



calendário

Março 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031


Pesquisar

 



Links

Ministério da Saúde

Medicina Dentária no Moçambique

Blogs do Moçambique






Enxerto Ósseo

Quinta-feira, 20.01.11

A necessidade de reconstrução óssea para implantes depende do planejamento da prótese que será realizada e da quantidade de dentes envolvidos na reabilitação.

 

Se houver a necessidade de implante em áreas onde não existe profundidade óssea para a sua colocação, é então necessário o enxerto ósseo para aumentar o volume e profundidade.

 

Caso não se deseje fazer enxertos ósseos, o planejamento protético deve ser alterado, para que seja possível a confecção de uma prótese.

 

Apesar de alguns pacientes solicitarem esta opção, nem sempre ela é possível, pois algumas próteses exigem implantes em determinadas posições, e se não houver osso presente, não existe maneira de fazer outro tipo de prótese.

 

Estes conceitos são importantes de serem discutidos antes de definirmos o seu tratameto, evitando assim que as expectativas não sejam alcançadas.

 

 

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Enxertos ósseos

Quinta-feira, 20.01.11



O enxerto de osso nas reconstruções é um procedimento cirúrgico que substitui o osso perdido com um material do próprio corpo do paciente (enxerto autógeno), com um substituto artificial ou sintético (enxertos de hidroxiapatita), ou com um substituto natural (que pode ser bovino ou humano). - Não utilizo os enxertos bovinos por razões de qualidade em meu tratamento.

O Enxerto de osso é usado para ajudar a reparar fraturas de ossos que são extremamente complexas e nas recosntruções maxilo-mandibulares com finalidade protética, para permitir a colocação de implantes.

Os implantes dentais requerem osso em toda a sua volta para permitir que se integrem corretamente. Pacientes edêntulos (sem dentes) já há alguns anos podem precisar de enxertos.

Nestes casos, o osso pode ser retirado do queixo (mento) ou de áreas da própria mandíbula, como também da crista de ilíaca ou calota craniana como no desenho ao lado.

Em geral, enxertos ósseos são utilizados em bloco (como os retirados do queixo ou do ramo ascendente da mandíbula) ou particulados para poder ser melhor adaptado ao leito receptor.

Quando utilizado o enxerto autógeno, é necessário que outro local do corpo receba um procedimento cirúrgico, pois é deste local que o osso será retirado.

Estes locais podem ser da própria mandíbula, da maxila, da crista ilíaca, da costela e da calota craniana normalmente.

O advento do banco de tecidos, veio aumentar as possibilidades, pois pode-se pedir o osso, do tamanho necessário à reconstrução e portanto evitar outra cirurgia para tirar o próprio osso do paciente, são os enxertos homógenos.

 

Fonte:http://www.colucci.odo.br

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Registre-se na 1000expert




Flag Counter