Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Veja o vídeo e Registre-se na 1000EXPERT



calendário

Março 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031


Pesquisar

 



Links

Ministério da Saúde

Medicina Dentária no Moçambique

Blogs do Moçambique


subscrever feeds





Tratamento endodontico em dentes decíduos (de Leite)

Terça-feira, 15.11.11

É muito frequente a necessidade de tratamento endodôntico em dentes de leite. Ele pode ser necessário em casos de trauma ou por cárie, em dentes anteriores ou posteriores.

Anatomia dos Dentes de Leite

Dentro dos dentes de leite, há vasos e nervos, como nos permanentes. Estes dentes possuem raiz, que será reabsorvida à medida em que os permanentes forem se formando.

Se por cárie houver uma contaminação do “conteúdo” (polpa) deste dente ou se por trauma houver um rompimento desta irrigação de vasos e nervos, ocorrerá a morte da polpa.

 

O que é um Tratamento de Canal?

 

A polpa doente é removida mecanicamente por limagem e o (os) conduto(s) irrigado(s) quimicamente. O dente terá agora seu(s) canal(is) obturado(s) com material reabsorvível pelo organismo e será  então restaurado.

Em alguns casos há  necessidade de curativos terapêuticos, antes da obturação definitiva do(s) canal (canais).

 

Qual é a importância em manter os dentes de leite Saudáveis?

 

Como os germens (filhotes) dos dentes permanentes estão muito próximos das raízes dos dentes de leite, qualquer secreção purulenta nos dentes de leite será danosa para os permanentes e para a saúde da criança.

 

O Dente de Leite vai cair normalmente após o tratamento de canal?

 

Certamente tudo acontecerá normalmente. A raíz do decíduo será reabsorvida bem como o material obturador colocado dentro do(s) canal(is). Com os canais tratados ou não, muitos dentes precisam ser extraídos por não “caírem”. Seu filho precisará continuar a ser acompanhado por um dentista regularmente.

 

fonte: endodeciduos

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tratamento de Canal e Extração Dentária

Sexta-feira, 04.11.11

 

 


 

Quando a cárie dentária aprofunda-se o suficiente para lesar a polpa de forma permanente, a única maneira para se eliminar a dor é a remoção da pulpa através do canal (endodontia) ou a extração do dente. Os dentes posteriores submetidos a um tratamento de canal são mais bem protegidos por uma coroa, que substitui toda a superfície mastigatória. O método de restauração para os dentes da frente submetidos a um tratamento de canal depende da quantidade restante do dente. Raramente, uma ou duas semanas após um tratamento de canal, o indivíduo pode apresentar febre, cefaléia e inflamação do maxilar, do assoalho da boca ou da garganta. Se o indivíduo apresentar essas complicações, ele deverá ser examinado por um dentista ou um médico. Se o dente foi extraído, ele deverá ser substituído o mais breve possível. Caso contrário, os dentes vizinhos podem mudar de posição, alterando a mordida.

 

A substituição pode ser uma ponte (uma prótese fixa parcial, na qual os dentes laterais ao dente ausente são recobertos por coroas) ou uma prótese removível. Implantes também podem ser utilizados para substituir os dentes perdidos. A coroa é uma restauração encaixada sobre um dente. Geralmente, para que uma coroa seja bem moldada, são necessárias duas visitas ao dentista, embora, em alguns casos, sejam necessárias várias sessões. Na primeira visita, o dentista prepara o dente, afilando-o ligeiramente, tira um molde do dente preparado e coloca uma coroa temporária. Em seguida, uma coroa permanente é encomendada ( a partir do molde) a um laboratório de próteses dentárias. Na visita seguinte, a coroa temporária é removida e a coroa permanente é cimentada sobre o dente preparado. Em geral, as coroas são confeccionadas com uma liga de ouro ou outro metal. Pode-se utilizar a porcelana para ocultar a cor do metal. As coroas também podem ser totalmente de porcelana, mas, por tratar-se de um material mais duro e mais abrasivo que o esmalte dental, ela pode causar desgaste do dente oposto. As coroas de porcelana ou de um material similar também apresentam uma tendência levemente maior de romper do que as de metal.

 

fonte msdonline

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tratamento de canal em dentes de leite

Sexta-feira, 23.04.10

Existem várias técnicas usadas em tratamentos de canal de dentes de leite e todos se diferem das técnicas utilizadas para dentes permanentes. Nos dentes de leite o maior objetivo é manter o dente na arcada até a época de sua troca pelo permanente. O tratamento de canal consiste na remoção da polpa (nervo) estando ela inflamada ou infectada, limpeza dos condutos, secagem e obturação. Como normalmente o dente de leite terá um sucessor permanente, as técnicas de terapia pulpar utilizam apenas pomadas ou cremes para obturar os condutos, facilitando a reabsorção fisiológica que ocorre nas raízes dos dentes de leite.

"Para ter uma boa saúde geral, visite seu Médico Dentista regularmente"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Registre-se na 1000expert




Flag Counter